Pertinho de São Paulo, não muito longe do Rio de Janeiro e do “ladim” de Minas Gerais, a cidade de Campos do Jordão é o local perfeito para quem precisa descansar, para quem curte uma boa badalação ou para os apreciadores de belezas naturais que no caso de Campos, como a cidade é chamada na intimidade, são de uma extravagante abundância.

E se você imagina que Campos do Jordão é sinônimo de luxo e ostentação e seus frequentadores são pessoas esnobes e requintadas, tenho um segredinho para te contar: essa “Campos do Jordão” estampada nas capas de revistas de celebridades com famosos exibindo looks caprichados ou beldades anônimas usufruindo seus cinco minutos de fama, é uma versão criada pelos marqueteiros de plantão.

Não caia nessa conversa!

Visite a cidade sem pudor, sem preconceito e sem se deixar intimidar!

Ela é adorável, acolhedora e tão gentil que até se presta ao papel de tornar-se um reduto de ostentação e exibicionismo durante a temporada de inverno, mas como todo generoso, não abre mão de suas origens e por isso, enquanto o glamour desfila pelo famoso bairro do Capivari, no auditório municipal acontece o importante e imperdível Festival de Inverno Internacional, o maior evento de música erudita da américa latina.

IMG_6227   IMG_6222 (1)

Campos tem opções de hospedagem e atrações para todos os gostos, idades e bolsos.

Da pousadinha humilde ao luxuoso hotel estrelado, o pernoitar em Campos do Jordão tem alternativas para cada orçamento e há quem suba a serra apenas para passar o dia, almoçar num de seus bons restaurante ou divertir a garotada nos variados centros de lazer que contemplam passeio a cavalo, arborismo ou outras atividades, como a patinação no gelo, mesmo nos meses do verão.

O comércio é variado e as vitrines estão repletas de manequim vestidos com chamativos gorros, cachecóis, toucas e grossa roupagem, ainda que seja verão nos trópicos. Portanto, se você não mora num local onde faça frio por mais da metade do ano, seja comedido nas compras desses acessórios e pense duas vezes antes de se empolgar com tanta coisa bonita e atraente.

No caso de a grana estar curta ou você não ser um consumista inveterado, Campos pode lhe proporcionar um passeio a pé pela cidade observando o casario de estilo suíço e seus belos jardins, uma bela caminhada pelas inúmeras trilhas espalhadas pelo entorno da cidade, um banho de cachoeira, uma volta pelo trenzinho que percorre as encostas da serra ou lhe permitir se deixar levar pela preguiça ao dedicar um momento “relax total” numa de suas inúmeras cafeterias e chocolaterias, sem preocupações, correrias ou obrigações.

IMG_6218 (1)   IMG_6221 (1)

A única coisa certa da viagem a Campos do Jordão é que você não escapará de voltar para casa com uma “selfie” na bagagem, feita em frente ao relógio de rua registrando a baixa temperatura local que, no rigor do inverno, pode marcar temidos ou idolatrados graus abaixo de zero. Essa é para “bombar” nas redes sociais. Eu garanto!

Para os casais, Campos é o mais puro romantismo, mas sobre isso eu abro mão de sugerir o que fazer por lá, por acreditar que compete a cada um descobrir por si a melhor forma de expressar a afeição. Só, minha gente, que preciso comentar com vocês sobre o imenso poder que uma fondue à luz de vela possui no que se refere a turbinar uma paixão. É coisa de se pensar e levar em consideração!

No caso de você, que está lendo este texto, conhecer bem a cidade, mas faz tempo que não aparece por lá, a novidade é que as ruas do centrinho do bairro Capivari, endereço de lojas de artesanato, de marcas sofisticadas e da famosa cervejaria para onde todos se dirigem “para ver e ser visto”, transformaram-se num complexo de calçadões para uso exclusivo dos pedestres.

Ficou maravilhoso! Nada de carros competindo espaço com transeuntes, nada de estacionamento no meio da rua, nada de motos ruidosas acelerando no calcanhar dos passantes e nada de “engarrafamento de gente” se acotovelando pelas calçadas estreitas tomadas pelos veículos. Os bares e restaurantes ganharam mais espaço, as fachadas foram revitalizadas e a impressão que se tem é que tudo ficou mais bonito.

Uma faceta nova que agradou em cheio aos comerciantes e mais ainda aos turistas que ganharam em segurança, tranquilidade e conforto para um perambular agradável, do qual os moradores das grandes e violentas cidades desse país, andam sentindo muita falta.

Campos do Jordão

Campos do Jordão tem muito mais a oferecer do que isso que eu consegui descrever no texto, mas para criar o seu roteiro favorito é necessário que desvende a cidade e construa a sua lista de encantos pessoais.

Quando isso acontecer, por favor, não deixe de nos contar suas impressões e suas dicas imperdíveis.

Eu e os leitores do blog adoramos novidades e ficaremos muito felizes se você compartilhar conosco algumas informações.

Téia Camargo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *