Não é nenhum segredo que a gravidez muda o corpo das mulheres e deixa “lembranças” do período, causadas pela flutuação de peso, hormônios e outros fatores. Também é um momento em que elas se sentem sem confiança e buscam medidas extremas para recuperar a aparência de antes da gravidez.

Uma dúvida bastante comum é se as mulheres que estão grávidas podem fazer cirurgia plástica. E o questionamento não é à toa. Não é nenhuma novidade que a gestação requer cuidados relativos à saúde da mãe e do bebê.

Na realidade, a resposta encontra-se nas particularidades de cada paciente. Apesar disso, a orientação geral dos médicos cirurgiões é a de adiar os procedimentos cirúrgicos para depois do fim da amamentação. A não ser que a gestante tenha algum problema grave e a cirurgia seja fundamental para que ela e/ou o bebê sobrevivam.

Todo o procedimento cirúrgico envolve riscos que podem ser potencializados durante o período de gravidez. Isso porque o organismo da gestante passa por diversas transformações nessa fase.

Dificilmente uma cirurgia plástica é recomendada no período de gestação. Mesmo os procedimentos mais leves devem ser considerados com extrema cautela. As possibilidades de complicações nas cirurgias plásticas mais comuns são relativamente pequenas, mesmo assim, devem-se evitar aplicações de qualquer tipo, como os ácidos, ou mesmo a utilização de remédios que tenham efeitos hemodinâmicos, como a lidocaína, em gestantes.

Outro exemplo é que a maioria das pacientes ganha peso durante a gestação e não precisam de mais volume em seus rostos. A literatura médica mostra que o uso de neurotoxinas também não é recomendado durante a gravidez.

O que é aceitável, de acordo com os padrões médicos, são procedimentos suaves, tópicos, no máximo. Mesmo assim, são feitos com moderação, para combater reações hormonais como o melasma, que é uma descoloração facial da pele bastante comum em mulheres grávidas.

O foco no desenvolvimento e na saúde do bebê é a prioridade. É após a gestação que a cirurgia plástica auxilia, e muito, as mulheres. É neste momento que um cirurgião plástico atua e contribui com segurança.

Então, o melhor conselho para as mulheres grávidas que se preocupam com sua estética global? Abrace a gravidez. Quando você está na marca de 5 meses todos sabem que você está grávida. Não espere parecer outra coisa senão grávida. Como o médico diz, a sua saúde e a saúde do bebê são de extrema importância. Depois você poderá reavaliar suas necessidades de cirurgia plástica após a gestação.

Fonte: Smart Beauty Guide / Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.