Segundo a revista Marie Claire, o Brasil é o país líder mundial em cirurgias de rejuvenescimento vaginal. Cirurgias como a ninfoplastia (redução dos pequenos lábios vaginais) e o enxerto de gordura, segundo a Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica, estão entre as mais procuradas pelas brasileiras.

A ISAPS já divulgou um relatório onde ficou estabelecido que o Brasil ultrapassa países como os Estados Unidos, na realização de cirurgias. E entre os procedimentos é constatado um crescente significante das operações realizadas em regiões íntimas do corpo.

A mulher brasileira tem se mostrado insatisfeita com a estética de sua vagina e consequentemente procurado alternativas cirúrgicas com a finalidade de remodelá-la. E a vida sexual se relaciona com a queixa estética? Seria esta uma tentativa de remodelar também o que acontece nos quartos das brasileiras?

Tal decisão preconiza o conforto e a segurança da mulher, que deseja se submeter a este tipo de cirurgia, que apresenta riscos e contraindicações como qualquer outra. Busque profissionais responsáveis e reconhecidos para tirar suas dúvidas…

Beijos e até logo,

Luiza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.