Para começar, você sabe a diferença entre móveis planejados e modulados? As vantagens e desvantagens e dicas, fique ligado!

Com o crescimento dos imóveis em tamanhos reduzidos encontramos a necessidade de planejar cada espaço e aproveitá-los ao máximo.  Por isso as versões mini dos lares atuais estão ganhando o mercado dos planejados, e porque não dos modulados.

No caso dos móveis modulados identificamos ser possível escolher o número de módulos, seus formatos, a disposição interna das prateleiras, o modelo das portas e até os puxadores, o que os torna perfeitamente adaptáveis a quase qualquer tamanho de ambiente, infelizmente como os módulos têm um tamanho pré-estabelecido, pode ser que não se encaixem com a perfeição no espaço desejado. A vantagem dos modulados é sem duvida a versatilidade na montagem e na composição de ambientes. Além de muito versáteis os móveis modulados são mais baratos do que os móveis planejados. A razão disso está na produção em massa, ou seja, por possuírem padrões e tamanhos pré-estabelecidos, são produzidos em larga escala o que acaba barateando o custo para desenvolvimento de cada peça.

be5556e2e96d01ced7d7fd1da8ec9fe0  bb56564cf2de0c45fa76767c1bc8c1c6

Uma curiosidade dos bastidores é que a confecção dos módulos independentes permite bastante liberdade. Mas como pode isso? Assim ó… a indústria moveleira cria uma série de produtos para que o projetista componha os ambientes da melhor maneira possível dentro das necessidades de cada cliente. E isso é muito bacana!!

No caso dos modulados costumo dizer que temos liberdade, mas o céu não é o limite! Infelizmente ainda esbarramos em limitações de tamanhos, padrões, acabamentos e cores.

Já os móveis planejados são produzidos de maneira absolutamente personalizados. Daí o nome de planejados viu? Eles se ajustam perfeitamente aos ambientes e costumam ocupar 100% dos espaços a que se propõem, são planejados mesmoo! rs rs

No caso dos planejados não existe necessidade de cortes e acabamentos. Nada de vãos e espaços sobrando. A ideia de adaptação é diferente do modulado ao se projetar absolutamente do zero e com a possibilidade absoluta de editar as peças dentro das necessidades do cliente de espaço, funções e estética. As opções de acabamentos e padrões são enormes. E a desvantagem dessa maravilha é que a fábrica precisa se preparar e essa estrutura especial acaba indo para o bolso do consumidor, o produto recebe um valor agregado. Se os valores de um móvel planejado estiverem muito além dos seus planos, consulte um marceneiro.

Regras fáceis para não errar!

Se você não quer ter trabalho, vá de planejado; se não se importa em ter um pouco de trabalho, vá ao marceneiro; mas, se você quer pagar mais barato, vá de modulado.

Uma coisa é certa: não se contamine por vantagens ou desvantagens, avalie o que melhor atende aos seus objetivos, já vi muitos casos em que as três opções ofereceram resultados surpreendentes.

SR03

Dicas Importantes:

Em todos os casos a exatidão na retirada das medidas do seu ambiente se faz muito importante. Observe as posições de janelas, portas, pontos de tomada e interruptores. Na cozinha, lembre-se das posições da pia, torneira, ponto de gás e água.  Procure saber por onde passam as tubulações de água e gás, para que os canos não sejam afetados durante as instalações na parede.

Recomenda-se que se tire as medidas dos eletrodomésticos e eletroportáteis. Se está trocando algum deles, ou todos, considere a escolhê-los em primeiro lugar e posteriormente definir o mobiliário.

Com a facilidade de editar as peças dos mobiliários considere suas necessidades, como utensílios de cozinha para guardar, roupas e ou sapatos. Alguns fabricantes oferecem gavetas profundas, que facilitam muito na hora de você organizar suas coisas, além de complementar o seu kit de armários.

Escolha o tipo de material dos móveis que vai adquirir.  Existe uma variedade de materiais e revestimentos disponíveis para todos os gostos e bolsos, sendo que os principais são: o MDF, o MDP, as lâminas de madeira com acabamento fosco ou brilhante, o revestimento melamínico (a famosa fórmica) e as placas de aço inox. As placas de inox, pela alta durabilidade, facilidade de limpeza e baixa manutenção, são os mais recomendados para quem busca móveis modulares para cozinha.

Atenção às ferragens!!! Parece óbvio, mas as peças que mais dão problemas no caso do mobiliário modulado ou planejado são as dobradiças. Elas emperram ou arrebentam, fazendo com que a porta nunca se feche totalmente ou caia de uma vez. Dê preferência a armários com dobradiças de qualidade, que permitam regulagem e que não deixem frestas. A corrediça das gavetas também merece atenção, pois é a segunda parte que apresenta mais defeitos. Existem no mercado peças de absoluta qualidade, com recuo e blindagem contra a interferência de pó e outros materiais que contribuem para mal funcionamento da peça. Essas peças costumam ter um valor agregado na composição das peças, mas no final acaba valendo a pena pela pouca demanda na manutenção.

Existem uma infinidade de lojas do ramo no mercado atual, o ideal é que o cliente esteja sempre acompanhado de um profissional que possa sanar essas dúvidas e muitas outras a respeito da execução aliadas aos fornecedores escolhidos. Os profissionais normalmente estão atualizados quanto as tendências de mercado, produtos, qualidade de serviço, pré e pós venda e suporte na satisfação do cliente como um todo. Estejam atentos!!!

SR05

Quer mais dicas?  Siga o Instagran  iArquitetura

Te espero lá!!

Chris Bernardes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *